Videoclipe de “Feather”, de Sabrina Carpenter, causou demissão de padre; entenda 

No clipe, lançado em outubro deste ano, Sabrina aparece matando homens e em seguida celebrando na numa igreja

 

 

Lançado no mês de outubro, o clipe de “Feather” de Sabrina Carpenter, ainda vem causando alvoroço por aí, e não é só entre seus fãs.

 

O Monsenhor Jamie J. Gigantiello foi dispensado de suas funções administrativas após permitir a filmagem do clipe nas dependências da Paróquia Nossa Senhora do Monte Carmelo da Anunciação em Williamsburg, no Brooklyn.

 

Desde o lançamento, o clipe já acumula mais de 11 milhões de visualizações no YouTube.

 

 

Pedido de desculpas e missa de purificação

 

No clipe de “Feather”, Sabrina Carpenter aparece matando uma série de pretendentes homens em situações distintas. Logo depois, ela entra em uma igreja católica vestida com uma meia-calça preta para dançar entre caixões de tons pastéis no altar.

 

Após a divulgação do clipe, muitos religiosos começaram a criticar a artista e a própria paróquia por ter permitido a gravação do vídeo.

 

Em um pedido de desculpas aos paroquianos, o padre confirmou que aprovou o vídeo. No entanto, ele e a equipe “não estavam cientes de que algo provocativo estivesse ocorrendo na igreja”, disse.

 

A Diocese de Brooklyn, que disse à Agência Católica de Notícias que o padre Giantello não seguiu o protocolo adequado para filmar em igrejas, “que inclui uma revisão das cenas e do roteiro”. A equipe de Sabrina entrou em contato com o padre em setembro desde ano para realizar a filmagem.

 

Desde o vídeo, a igreja tomou medidas para purificar o local, como por exemplo,  celebrando uma missa de reparação. Além disso, os US$ 5 mil que a paróquia recebeu pelas filmagens foram doados.

 

O padre também afirmou que pesquisou o histórico de projetos de Sabrina e disse não ter encontrado nenhum problema em autorizar o projeto.

 

“Peço que, seguindo o exemplo do perdão de Cristo, você considere possível perdoar meu descuido neste infeliz assunto”, escreveu o padre Gigantiello em seu pedido de desculpas.

 

A equipe de Sabrina ainda não se pronunciou sobre o assunto.

 

Foto de capa: reprodução/Youtube

 

Compartilhe o post

Outras notícias

Copyright © QG Do POP 2016~2023. Todos os direitos reservados a este site da web.