Ex-The Voice, DAY LIMNS se declara pansexual

Cantora abriu o jogo pela primeira vez sobre sua sexualidade após término de namoro.

Símbolo da comunidade LGBTQIAP+, a cantora e compositora DAY LIMNS vem se permitindo se descobrir na vida pessoal em meio ao crescimento profissional. Solteira pela primeira vez desde que assumiu publicamente seus dois mais recentes namoros, o último de quase 5 anos, a artista, que se identificava como lésbica, revelou que está em novo momento. Em participação no Foquinha Entrevista, que vai ao ar nesta quinta-feira (30) no YouTube da jornalista, DAY se revelou como uma mulher pansexual.

Eu vivi 20 anos da minha vida sendo reprimida como vários adolescentes e jovens… Eu sempre achei que beijar na boca de qualquer pessoa era completamente surreal, ainda mais de uma mulher, e quando eu era criança, eu comecei a entender e ter na minha cabeça que pra você poder gostar de uma mulher, você tinha que ser um homem…”, disse. 

Após este momento, DAY se viu solteira pela primeira vez. Esta foi a chave para repensar seus conceitos e entender as possibilidades de seus sentimentos.

Comecei a viver a vida de solteira, comecei a falar muito com a minha terapeuta. Eu comecei a entender que há uma parte de mim onde eu enxergo mulher como Deus… Realmente existe essa questão de eu colocar mulheres em um pedestal. Só que eu entendi também que pessoas são tão interessantes, e quando caiu por terra essa questão do gênero, pra mim, a minha mente explodiu. Então eu comecei a me entender muito mais como uma pessoa pansexual, que talvez expanda ali para todos os lados e não coloque uma barreira. Hoje eu me vejo como uma pessoa sem limitação.

O medo do julgamento, relembrando os momentos quando jovem, onde era membro ativo de uma igreja evangélica, não foi capaz de frear seu momento de auto descoberta e libertação.

“São coisas novas, eu tinha medo, é assustador. Quando eu beijei um homem, é uma boca, não foi ruim. E eu tive vontade. Foi muito novo pra mim e eu me culpei até por isso”.

As revelações, que vão ao ar nesta quinta-feira (30) no programa da Foquinha, chegam em meio a outro processo de libertação de DAY. A cantora acaba de lançar seu novo álbum de estúdio, “VÊNUS≠netuno”, uma obra inovadora que redefine o cenário do pop/rock brasileiro.

O álbum é uma jornada emocional que traça um paralelo entre complexidade das relações humanas, abordando temas como dualidade, sacralidade, pecado e redenção.

Para o projeto, DAY LIMNS mergulha firme nas próprias sensações, abrindo feridas na intenção de se curar. Ao lado dos vencedores do Grammy Latino, Los Brasileros, a cantora conta com DMAX e Isadora Sartor como produtores do projeto, além de compositoras como Carolzinha e Jenni Mosello que contribuem muito para o pop brasileiro.

 

O projeto Foquinha Entrevista é uma coprodução da produtora criativa de entretenimento, Farra, com a Foquinha.

Sobre o álbum

“VÊNUS≠netuno” representa um marco na carreira de DAY LIMNS, misturando gêneros musicais de forma inovadora. O álbum conta com colaborações especiais de FROID e Hyperanhas, trazendo perspectivas únicas a cada faixa. Os produtores Los Brasileros, DMAX e Isadora Sartor deram vida a essa jornada sonora, enquanto o videoclipe do álbum, dirigido por GAFE, complementa a experiência visual.

DAY LIMNS, um dos principais nomes do POP Underground, convida os entusiastas da música a se entregarem a esta jornada emocional através de “VÊNUS≠netuno”. Com milhões de seguidores nas redes sociais, dezenas de milhões de visualizações no YouTube e streams em alta, DAY LIMNS continua a moldar o cenário musical brasileiro com sua inovação e autenticidade. 

O que é ser pansexual?

Pansexual é o indivíduo que sente atração por pessoas independente do gênero delas,  seja homem, mulher, não binário, trans e cisgênero

Compartilhe o post

Outras notícias

Copyright © QG Do POP 2016~2023. Todos os direitos reservados a este site da web.